A busca por plano de saúde barato tem ficado cada vez maior, o que é muito perceptível, visto que utilizar o SUS (Sistema Único de Saúde) está cada vez mais difícil e consultas particulares normalmente são bem caras. Independentemente do desejo de contratar se você tem esbarrado em valores altos, fique tranquilo! Para te ajudar, elaboramos um passo a passo com tudo o que você precisa saber para encontrar um plano de saúde barato e fazer uma contratação certeira.

Entendemos que contratar este serviço pode significar um grande comprometimento na sua renda. Fazendo uma boa pesquisa e alinhando as suas expectativas financeiras com o seu corretor, é possível encontrar uma opções que cabe no seu bolso.

6 dicas de como achar um plano de saúde barato

Plano de saúde barato
Plano de saúde barato – imagem freepik

  1. 1. É possível ter o plano de saúde barato com CNPJ?

Sim, isso é possível. Por exemplo quem tem um MEI, ou os que contam com CNPJ próprio, têm muitas vantagens. A começar pelo acesso a planos de saúde com parcelas mais acessíveis.

Segundo a ANS (Agência Nacional de Saúde), quem tem MEI pode conseguir contratar planos que custam cerca de 35% menos do que os planos de saúde individuais encontrados no mercado. Pois é: planos 35% mais baratos, você leu certo!

  1. 2. Saiba qual as melhores operadoras de saúde

A pesquisa tem alto grau de importância quando falamos de planos de saúde, pois exigem uma certa atenção antes da contratação, mas pela importância que ele terá na sua vida, essa dedicação vale muito a pena.

Para ter mais segurança, procure saber mais sobre as operadoras por meio dos sites oficiais como Reclame Aqui e o da ANS. Nesse ponto é importante verificar e consideração as opiniões das pessoas que já contrataram os planos.

O boca a boca pode fazer muita diferença na hora de contratar um plano de saúde barato. Sondar pessoas conhecidas que já possuem plano de saúde pode te ajudar a filtrar as melhores operadoras. Pergunte se ela está contente com a rede credenciada e como tem sido a experiência com relação ao atendimento.

  1. 3. Coloque os custos no papel

Se você tem o orçamento curto para contratar um plano de saúde é fundamental saber o quanto você pode investir. Seja realista sobre o quanto você pretende e pode gastar sem comprometer a sua renda mensal.

Se você gasta com consultas particulares ou procedimentos relacionados à saúde, tente mensurar esses gastos mensais. Saber isso pode deixar mais claro qual é o seu perfil de gastos com saúde, ajudando a escolher um plano de acordo com o seu perfil.

  1. 4. Saiba quais serviços você realmente precisa antes de contratar

É importante sempre estar atento a quais tipos de serviço você realmente precisa ter acesso para ter um plano de saúde barato. No caso de Homens não precisam de obstetrícia, por exemplo, o que torna os planos mais em conta. Simultaneamente, se você frequenta apenas os hospitais próximos à sua casa e não viaja para fora do país, dificilmente irá utilizar a assistência internacional.

É comum que os melhores planos de saúde ofereçam serviços diferenciados que podem encher os olhos de qualquer um, mas isso também eleva bastante o valor da contratação. Se o seu objetivo é contratar um plano de saúde mais barato, foque no custo-benefício, selecione todos os planos cujos serviços são mais interessante para você e organize do maior para o menor preço.

  1. 5. Liste as suas necessidades

Saber quais serviços são indispensáveis para você faz toda diferença, mas seja realista.

Para facilitar sua decisão, faça a si mesmo as perguntas abaixo:

  • Tenho dependentes para incluir no meu plano?
  • Quais hospitais mais próximos ou que eu sempre vou?
  • Qual frequência eu vou ao médico?
  • Tenho alguma condição médica que exige acompanhamento?
  • Os dependentes do meu plano precisam ter cuidados especiais como: crianças, idosos etc?
  • Eu viajo frequentemente e preciso de assistência em outros estados ou até mesmo no exterior?
  • Minha família tem histórico de alguma doença específica?
  1. 6. Escolha os detalhes para deixar o plano de saúde barato

Na hora de decidir os detalhes da sua contratação cada escolha pode ter influência direta no preço. Se você optar por ter um quarto privado irá pagar um valor mais alto em relação à opção compartilhada, por exemplo.

A coparticipação também reduz o valor das mensalidades, porém só funciona para aqueles que não têm uma utilização tão frequente do plano, visto que é necessário contribuir com uma porcentagem das consultas. Em resumo, estes são os principais pontos com influência no preço aos quais você deve se atentar.

  • Qual modalidade: individual, adesão ou empresarial.
    A opções de contratação do plano empresarial faz com que o valor possa ficar até 35% mais barato.
  • Cobertura: regional, nacional ou internacional.
    Normalmente a opção regional pode deixar o plano de saúde mais barato
  • Tipo de plano: ambulatorial ou hospitalar.
    De maneira geral, o plano de saúde ambulatorial irá cobrir o usuário em relação ao número de consultas, que é ilimitado; em exames complementares; e outros procedimentos realizados em ambulatórios, consultórios e clínicas.Já o planos de saúde hospitalar, garante a internação, inclusive em UTI, bem como medicamentos, exames e demais procedimentos necessários durante o período de internação. Além disso, a legislação proíbe que se estabeleça um prazo máximo para o paciente usufruir do benefício. Esse tipo de serviço pode ser contratado em planos de saúde empresarial, plano de saúde individual e até mesmo no plano de saúde por adesão.

Como cotar um plano de saúde barato com a Jorge Couri Seguros

Agora que você já conhece as 6 dicas para economizar quando for contratar um plano de saúde, que tal fazer uma cotação com a Jorge Couri Seguros?

Você pode fazer a cotação agora mesmo! É só preencher o formulário clicando no botão abaixo ou ligar para 11 2081-7000 e falar diretamente com um consultor.

Cotar planos de saúde

Reader Interactions

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Olá!

Como posso te ajudar?

×